05/05/2010

Mulheres que amam de menos. Não anônimas!

Fatos verídicos, aqui fantasiados, escritos por mim, narrados por amigas queridas em conversas de esquinas. A elas, meus agradecimentos.

Cris: Eu, Cristina, estou namorando há dois meses com um homem lindo, chama-se Roberto, é um moreno alto e forte, me leva a lugares suntuosos e me compra do bom, do melhor e do ótimo. Muitas morrem de inveja (haha).
Mas não tem conteúdo, aliás, eu arrumo tanto homem lindo e sem cultura. Esta certo, eles que pagam as contas, mas eu que sugiro sempre os lugares, porque por eles nossos passeios seriam em parques de diversões.

Nós: Hum.. Já vimos muitos “literatos” atrás de você, por exemplo, o Marcio.

Cris: O Marcio, aquele cabeça de ovo?! Para, amigas, nem se eu tivesse cabelo duro.. hahaha..

Nós: Hahaha.. Então continue com seus objetos, fazendo de seus relacionamentos acessórios humanos e invejáveis.
Michele?

Chele: Eu, Michele, estou namorando faz um ano e meio com William, ele, desde o começo, me traz flores, bombons, é super carinhoso, romântico, chega a enjoar.
Parece que eu atraio esse tipo de homem, esses que me tratam como uma boneca de enfeite e intocável, me levam ao cinema pra assistir filmes líricos.. Aff.
Eu queria é um homem mais atrevido, que não me ligasse a cada minuto perguntando se eu estou bem. Parece até que sou doente, que preciso de cuidados a todo tempo.

Nós: Hum... Chele, você parece mesmo uma bonequinha, fala doce, tem um jeitinho delicado... por que não ficou com o Rogério, então?

Chele: Que?! Aquele Ogro só pensa em futebol, bar e cerveja. Não tem uma gota de delicadeza, na escola de boas maneiras ele tirou nota 0.

Nós: Então, Caçulinha linda da turma, não reclame da atenção do seu namorado e “sossega o facho”.. hahaha..


Elas: E você, Priscila, qual é a vítima dessa vez?

Eu: Haha.. E quem disse que são vítimas?! Hoje em dia estou em época de reflexão, apenas analisando territórios, conhecendo novos conceitos, outros recintos. Understand me?

Elas:Ahhhhh.. Vamos jogar bilhar!



Depoimentos de algumas de minhas maluquetes, logo mais Manu e Paty.. ;)

11 comentários:

Fernanda Valente disse...

é bem assim Pri... é melhor nenhuma delas reclamar. rs

A.S. disse...

Pris...

Adorei essa conversa! Bem esclarecedora... :))

Beijosss
AL

Mirtes disse...

Nossa Priscila, muito boa, muito boa mesmo esta postagem você é bastante engenhosa. Será um prazer te seguir e fazer parte de tudo isso aqui!!

Grande beijo

Pérola disse...

Muiiito bom.
Vc está melhor amada?Essa gripe quando nos pega acaba com a gente.
Fica tranquila tá e se cuida.
Um beijo grandão.

Amapola disse...

Muito divertido.
Espero que esteja bem, sem a gripe.

Um grande abraço. Boa noite.

*Maluh Mah* Marinha Luiza disse...

Realmente adoro passar por aqui! *-*

ONG ALERTA disse...

A vida é de verdade...paciência, não somos ideias também, com jogo de cintura conseguimos, paz.

Aparecida Azevedo disse...

Aiai! Parece que ninguém está satisfeito com o que tem... Oi amiga Priscila, estou em falta com você porque não pude comparecer ao seu aniversário. Com certeza já não tem um pedaço de bolo pra mim né? Mesmo atrasada desejo que neste início de ano pra você, a vida lhe traga tudo aquilo que você desejar e tb prosperidade e abundância. Receba agora um grande abraço. Também venho oferecer o mimo do dia das mães dos meus blogs.Um vc já conhece e o outro vou deixar o endereço abaixo. Beijo.

Tetê disse...

Pri querida... Eu adoro esses seus posts de bate papo entre amigas. Se eu estivesse nessa troca de figurinhas eu diria simplesmente: gente, não existe ninguém perfeito! rs...rs...rs... Obrigada pela visita ao Livre Pensamento! Fico feliz de encontrar você por lá! Bom final de semana! Bjks Tetê

Priscila Rodrigues disse...

Obrigada, meus amores, respondo lá no Blog de vcs.

Beijos..

Crazy Moleque disse...

Priscila, apreciei muito o seu blog. Vou passar por aqui de vez em quando!!!

Bjs.