24/09/2010

Mulheres que amam de menos. Não anônimas [3]

Enquanto isso, no Ap. da Vivi.. Gosto não se discute, somente o encanto comove..


Márcia: Eu, Márcia, tenho 29 anos e gosto da cor azul, sorvete de morango e chantilly no café. Todos sabem que odeeeio Portinari, azzarro.. e que droga de perfume é aquele Ferrai que o Jailton estava usando? Não é à toa que eu não volto com ele.

Nós: ...

Márcia: Esses dias o Paulo veio em casa, eu estava com meu vestido azul. Ele, como se fosse meu namorado, disse que meu vestido preferido não me caia bem.
Como pode? Que petulante..
O Flávio adorou aquele vestido quando nos encontramos pela primeira e única vez, pena que ele foi embora, não deu nem tempo de perguntar que perfume era aquele..

Nós: Márcia, é Ferrari! Não prestou atenção no frasco que estava no painel no carro dele?
Ah, entendemos, querida, você estava preocupada com outras coisas.. Compreensível. Ui..

Márcia: Hã???

Nós: Hahahahaha.... Vai cuidar da sua rinite, amiga.

Vivi: Eu, Vivian, tenho 28 anos e gosto de Romeu e Julieta – não do filme, do doce – no meu café da manhã não pode faltar suco de laranja e nem pense em colocar café na mesa, me enoja, fico com náuseas só de lembrar daquele cheiro, argh!
Esses dias eu dormi na casa do Júlio, acordei com enjôo daquele cheiro de café. Acordei brigando também, ele sabe que eu não gosto de café, porque ele fez café? Alguém pode me explicar?

Nós: Sim.. ele gosta de café de manhã..

Vivi: Que tomasse quando eu não estivesse lá, ou melhor, que não fizesse quando eu dormisse lá..

Nós: Não vamos passar a noite falando de café, vamos?
Vivi, você nem gosta dele, pare de iludir o cara, amiga, volta com o Luciano que faz todos seus gostos, aliás, ele tem seus gostos.

Vivi: (suspirou e sorriu).

Elas: Priiii, o que foi aquilo que vimos na casa do C*****, você pegou a bala dele, e o que é pior, a tal bala estava na boca dele antes de passar pra sua. Voltaram pela 324ª vez?

Eu: Oi?

Elas: Haha, o que ele tem de tão bom, Pri, te traz chocolate também?

Eu: Foi só uma recaída, meninas, sabem como é a madrugada com Jack Daniels – Não me pergunte como a garrafa veio parar em minhas mãos. Mas, pensando com a cabeça, o C****** sempre foi um amorzinho, pena que..

Elas: O que? O que? O que?

Eu: Eu gosto de sentir borboletinhas na barriga e ouvir pássaros cantando..
Que eu gosto de perfume Polo Black, dormir, na maioria das noites principalmente as quentes, em camas separadas e da CHUVA. A diversidade sempre foi tentadora, mesmo que o “diferente” parte sempre de um mesmo amante. Mas aceito o suco de laranja da Vivi e o café com chantilly da Marcinha.

Elas: Haha.. Igual o F*******?

Eu: Não, igual o E******. Rá, peguei vocês!

Elas: Quem é E******?

Eu: Oi?

Todas: Ahhh.. vamos pedir pizza!